segunda-feira, 15 de março de 2010

Na Janela

Apenas tentando encontrar algo que não sabe o que é.Algo que traga felicidade, paz e finalmente a resposta que vive em seu coração: Quem ou o que estou esperando?”
uma pergunta que está dentro de si. Uma pergunta que não se cala, que está faminta pela verdadeira resposta!
esperando, esperando e esperando...Não sabe quando chegará, não sabe o que chegará e não sabe nem se chegará algum dia, apenas com a esperança de que alguém se lembrará dela e a aceitará do jeito que é.
com aqueles olhos de criança, tão sinceros e puros, olhando pela janela, como se o sol estivesse chegando para aquece-la em um dia tão frio como aquele, como se o sol estivesse vindo para iluminar a sala tão vazia e fria em que se encontrava.
passando dias após dias em sua janela, apenas esperando...e nada! Parecia que ela nem estava lá, parecia q não tinha ninguém naquela janela tão escura!
por que ninguém a notava lá? Como podiam não enxergar aquela menina tão linda, pura, sincera, especial, meiga e única? Como não viam aquele brilho intenso de seus olhos, que pediam alguma paisagem para poder observar, aquele corpo ardente, que pedia alguém para saciar a sua sede , aquele coração tão puro que pedia uma companhia...como não viam aquela menina ali, em sua janela, pedindo um olhar?
ela estava no lugar errado, ou tudo estava errado?
a menina continua lá...com o mesmo olhar, a mesma sede e a mesma esperança...esperança de que algum dia o sol dela chegará!

Jéssica Ramos Bastos

6 comentários:

  1. Não sei se está bom...apenas escrevi!
    aii q medo!

    ResponderExcluir
  2. Sei que vc. vai estranhar em me ver aqui tão cedo... É que não aguentei a curiosidade e acabei lendo antes que vc. me deixasse ver..
    E..., sinceramente, menina... Não há motivos de vergonha aqui... Vc. escreve muito bem, mas muito bem, mesmo! Realmente vcs. são pessoas de uma singular maravilha... Tanto vc., quanto a Bia, me intimidam com tanta genialidade... São prodigiosas e vão alcançar, no futuro, lugares desconhecidos... podem escrever o que estou dizendo - vão chegar lá! Basta querer...
    Não deixa de comentar o que escrevo, também, tá? Vcs. duas me guiam enquanto leitoras críticas...

    Abraço, menina(s)!

    ResponderExcluir
  3. É, eu estranhei um pouco sim. Levei um susto em ver vc aqui, não esperava por isso. mas, foi um susto legal. Gostei!
    Que bom que vc gostou, fico muito feliz e aliviada em saber disso!
    Obrigada! vc me incentiva muito com suas palavras!
    Pode deixar, eu vou comentar sim.

    ResponderExcluir
  4. Jée, tah muito bom mesmo!
    De verdade, e não falo isso, só porque sou sua amiga. Mas falo sinceramente, de coração. Parabéns!
    Mau posso esperar pra ler o livro, quando estiver pronto.
    E é verdade, o Jônatas incentiva muito.
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Ai Bia, fico mais feliz ainda com isso! é sério..isso é muito importante p mim! e Bia, não se esqueça, vc faz parte desse livro, então tudo o que vc achar, é de suma importância para mim!
    então ne...ler? aiaia...sei não! tenho MUITA vergonha! Vamos ver isso ai!
    BeijoS!

    ResponderExcluir
  6. PORQUE NA JANELA TODOS SOMOS IGUAIS!

    ResponderExcluir